Templates by BIGtheme NET
78014-d_jpeg

Postado em 11 de agosto de 2017, por Alexandre Melo.

HOMEM É PRESO FALSIFICANDO ÁGUA SANITÁRIA

A polícia fechou uma fábrica clandestina no bairro do Benedito Bentes, em Maceió após receber uma denúncia anônima na última quarta-feira (09). O dono do estabelecimento identificado como Clayton da Silva Arruda, foi preso em flagrante nesta sexta durante revista.

No local, menores de idade auxiliavam funcionários no processo de fabricação de produtos de limpeza, a exemplo de desinfetantes e água sanitária. O grupo produzia rótulos e comercializava embalagens recicladas, semelhantes ao da famosa marca de água sanitária Tróia.

Ao ser interrogado o dono da fábrica disse que já possuiu legalização, mas por causa da crise não conseguiu voltar ao mercado e acabou falindo há cerca de quatro anos. Ele afirmou que depois disso passou a não pagar as taxas de regularização da fábrica à prefeitura, como também teve sua energia cortada, tendo então que apelar para a falsificação dos produtos, já que passa por necessidades.

Na fábrica foram apreendidas 22 caixas de água sanitária de dois litros, 38 caixas do mesmo produto de um litro e mais 10 sacos com vasilhames vazios. De acordo com a polícia, o produto falsificado era vendido por no valor de R$ 0,70 a garrafa. Já a falsificação produzida, era vendida por até R$ 1,00.Outros produtos como sabão em barra, shampoo para veículos, sal grosso e diversos tipos de molhos também era produzidos no local.

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*